Compromisso

A ROMI possui compromisso direto com o desenvolvimento de uma sociedade sustentável, comprometendo-se cada vez mais com a preservação dos recursos naturais. Para tanto, possui Política Integrada de Qualidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança Ocupacional, cujos pilares são: foco no cliente, atendimento às normas legais e regulatórias, envolvimento das pessoas, prevenção e melhoria contínua, a qual assegura o respeito e o cuidado com o meio ambiente, garantindo ao acionista um retorno consistente e responsável.

Em linha com o desenvolvimento sustentável a ROMI possui Sistema de Gestão Ambiental certificado desde 2005, em conformidade com a norma ISO 14001, atualmente na revisão 2015, no qual investe de modo ininterrupto e consistente para a prevenção da emissão de poluentes, em todos os aspectos relacionados aos seus negócios.

Imagem

Consumo de Energia Elétrica

A ROMI monitora seu consumo de energia através de indicadores de desempenho, cujas metas são revisadas anualmente, impondo planos de ação para o seu atingimento.

Nos últimos anos foram investidos mais de 4 milhões de reais em melhorias voltadas à redução do consumo de energia elétrica, incluindo a atualização do parque fabril da ROMI:

• 2019: 590 mil reais em sistema de compensação de reativo;
• 2019 a 2021: mais de 2 milhões de reais em luminárias LED;
• 2019 a 2021: mais de 900 mil reais em substituição de compressores;
• 2020: 72 mil reais em sistema de exaustão fotovoltaico da Unidade Fabril 03;
• 2020 a 2021: mais de 430 mil reais em substituição de torres de resfriamento dos fornos.

Com a implementação destas ações, verifica-se uma constante queda no consumo de energia elétrica medido nos últimos três anos.

No ano de 2021 também foi aprovado o projeto de adequação NR10 e SPDA das unidades fabris, que visa à adequação das instalações da ROMI à NBR5410 e NBR5419, com investimento estimado em 5 milhões de reais.

Imagem

Consumo e Tratamento de Água

Assim como ocorre com a energia elétrica, o consumo consciente da água é fator de grande importância para a ROMI.

Nos últimos anos, graças ao emprego de novas tecnologias e de produtos de melhor desempenho, a ROMI passou a contar com o reaproveitamento diário de 12 mil litros de água em seu processo produtivo de maior consumo, chegando a uma economia de mais de 28 mil litros de água por dia.

Além disso, a ROMI realiza periodicamente diversos investimentos que visam não só à economia, mas também à melhor qualidade da água que é utilizada para o abastecimento das unidades fabris e para o consumo humano.

Em 2021, foram realizadas mais de 2.500 análises internas de quantidade de cloro e mais de 700 análises externas de parâmetros de potabilidade da água para consumo.

Imagem

Gestão de Resíduos e Efluentes

Também são tomadas medidas de gerenciamento dos resíduos gerados, sejam eles perigosos ou não, para melhor destinação final. Em 2021 foram gastos em torno de 4,2 milhões de reais em destinação de resíduos e, em contrapartida, foram revertidos mais de 2,8 milhões de reais em receita com a venda de sucatas.

No último ano foram geradas mais de 62 mil toneladas de resíduos, das quais apenas 0,32% eram resíduos perigosos – Classe I, o que quer dizer que as medidas tomadas pela ROMI com relação à destinação dos resíduos sólidos têm refletido em benefício de toda a comunidade.

E esse número tende a diminuir, já que a ROMI conta, desde 2021 com um calcinador de areia, instalado na Fundição, e que objetiva a recuperação térmica de areia de fundição, considerada hoje o resíduo de maior geração das operações da ROMI.

A instalação do calcinador contou com um investimento de quase 2,5 milhões de reais e promete a redução/eliminação do descarte de resíduos no processo, com capacidade de recuperação de 2ton/h.

A ROMI também conta com duas estações de tratamento de efluentes, as quais são responsáveis pelo tratamento de 100% do efluente gerado na Companhia. A eficiência média do tratamento é de 96%, número muito superior ao exigido pela legislação (80%).

Imagem

Desenvolvimento de Produtos

E as ações da ROMI de cuidados com o meio ambiente não param por aí. Toda a cadeia de desenvolvimento de produtos da ROMI é constantemente revisitada e aprimorada com emprego de novas tecnologias e soluções de engenharia, que tornam seus produtos e serviços cada vez mais sustentáveis.

Com o emprego das mais recentes inovações tecnológicas em máquinas industriais, além do desenvolvimento de novos modelos de negócio, a ROMI é capaz de integrar em seus produtos e serviços soluções eficientes e com a qualidade da marca ROMI, sem comprometer a garantia de um produto sustentável, como por exemplo:

• Acessórios que minimizam a contaminação do fluído de corte e do ar;
• Automação;
• Módulo de reaproveitamento de energia;
• Utilização de componentes com consumo otimizado;
• Sistema de compensação térmica;
• Sistema de monitoramento e controle de consumo energético;
• Modelo de negócio Machine as a Service (ROMI MAAS)
• Conceitos de economia circular (recompra e venda de máquinas seminovas).

Imagem